Drama dos filhos que têm tudo… menos o amor dos seus pais

766

Há histórias que descrevem do drama dos jovens que só desejam uma coisa na vida: ter um pouco do carinho e atenção dos seus pais.

Um jovem (cuja identidade foi preservada) conta que recebia tudo dos seus pais, inclusive um carro de luxo, mas, desesperado por não receber a atenção que queria deles, tentou se suicidar.

Estas situações tão amargas se tornam cada vez mais frequentes entre as famílias, principalmente das grandes cidades. É por isso que um sacerdote mexicano resolveu organizar retiros espirituais dedicados a jovens que sentem que seus pais os abandonaram afetivamente.

Este abandono afetivo dos pais é uma problemática da modernidade; muitas vezes, os jovens acabam decidindo realizar ações desesperadas e radicais, como atentar contra a própria vida, na tentativa de chamar a atenção dos progenitores, que muitas vezes vivem obcecados com a busca de dinheiro, sucesso na carreira e vida social.

Os pais podem dar tudo aos filhos: carros, jogos, viagens, roupas, dinheiro, mas correm o risco de se esquecer do principal: o carinho.

É por isso que o Pe. Guillermo Vázquez Pérez decidiu organizar este retiro gratuito para jovens de 17 e 18 anos. O sacerdote conta que ouve com muita frequência histórias como a do jovem citado no começo do artigo, que, com dor, disse ao seu pai: “Você me deu tudo, menos o seu carinho!”.

A intenção do próximo retiro, que será realizado em novembro, é oferecer aos jovens um lugar para compartilhar o sentido da vida. “Que saibam que têm um espaço no qual serão ouvidos e encontrarão os elementos que a Igreja oferece para buscar o diálogo com seus pais ou tutores, além de integrar-se à pastoral juvenil da nossa paróquia”, comentou o Pe. Guillermo.

O sacerdote ouviu outro jovem que se envolveu com o álcool, mas que relata: “Meu problema não é o álcool; meu verdadeiro problema é a solidão que sinto, porque meus pais têm bons empregos, me dão tudo, até dinheiro para consertar minha caminhonete, mas são coisas que só servem para a minha perdição. O que eu realmente gostaria de ouvir da minha mãe é: ‘eu te amo’”.

O retiro é totalmente gratuito. O Pe. Guillermo conta que, como a maioria dos jovens quer participará do retiro é batizado, serão abordados temas como “A criação”, “Você é importante para a vida”, “A vida tem sentido”, entre outros.

“Vamos lhes apresentar nossa Igreja e os convidaremos a integrar-se à comunidade paroquial”, conclui o sacerdote.

 

Por SIAME